Saturday, February 03, 2007

E O espetáculo da humanidade vai chegando ao final... será?

Nessa sexta-feira, 02, foi divulgado um relatório da ONU com relação ao aquecimento global, efeito estufa e assuntos relacionados.

O resultado desse relatório é algo no mínimo desesperançoso para a humanidade: daqui a cem anos, o mundo como conhecemos, praticamente não existirá.

Dentre outras conclusões feitas por uma comissão com mais de 2.000 cientistas do mundo todo, foi detectado que até o ano de 2.100 a temperatura média da Terra subirá entre 2 e 4 Graus, podendo chegar até um aumento de 6 graus na temperatura média da Terra (ou seja, se você acha quente um Versão com média de temperatura a 29 Graus, assim como eu, é bom saber que daqui há alguns anos, outras gerações terão de conviver com temperaturas médias de até 35 graus - isso em um dia não muito quente!). Também foi mostrado ao mundo que até 2.050, no verão, não haverão mais geleiras no Pólo Sul, e que até 2.100, dependendo da temperatura terrestre, ele deixará de existir por completo.

E como conseqüência disso, estima-se também que os oceanos subirão 59 centímetros, o que fará com que muitas cidades, e mesmo ilhas e nações desapareçam do mapa.

Estima-se também que mais de 2 bilhões de pessoas (cerca de 1/3 da população mundial) sofrerão com a falta de água no mundo.

E também a fauna e a flora mundial sofrerão com essas mudanças no clima: com um aumento de 1 grau na temperatura dos oceanos, milhares de corais simplesmente desaparecerão, assim como outras espécies de animais marinhos; mas não é só na água que haverá a extinção de espécies, pois foi previsto que muitos animais não suportarão o aumento da temperatura.

E há, nisso tudo, uma parcela de culpa de nós, brasileiros: embora o Brasil emita uma taxa de CO2 quatro vezes menor do que os EUA e do que a China, a sua maior culpa é pela omissão com relação ao desmatamento que ocorre na floresta Amazônica. Só para se ter uma idéia do tamanho do desmatamento, cerca de 17% do total da área da Floresta Amazônica já foi desmatada de forma ilegal. E como conseqüência do aquecimento global, os estudos indicam que provavelmente a Amazônia também não resistirá ao aumento de temperatura, e se tornará uma área de cerrado, como é o estado de Goiás hoje em dia.

Aumentarão as tempestades, os tornados aumentarão a intensidade, ocorrerão tufões e furacões com mais freqüência no Brasil, as secas se prolongarão por mais tempo...

A lista de problemas que a humanidade terá de enfrentar não para por aí.

Pode parecer algo pessimista, mas é apenas a realidade: se algo não for feito imediatamente, a raça humana esta fadada a desaparecer da Terra. Mesmo que algo comece a ser feito hoje, como por exemplo uma paralisação da emissão de gases que aumentam o efeito estufa, os efeitos de todo o aquecimento Global ainda perdurarão por milhares de anos.

Após tanto destruir outras formas de vida, o ser humano se vê diante de uma situação que ele mesmo causou, e que parece não haverem muitas saídas: será que toda a nossa tecnologia, que nos ajudou e muito a chegar onde estamos, conseguirá nos livrar desse fim? Será que toda a tecnologia, que muitos fizeram questão de substituir erroneamente pela vida e pela natureza, conseguirá fazer com que não as percamos definitivamente? Será que a revolução industrial, que transformou o homem em uma máquina sentimental, conseguirá fazer do homem uma máquina biológica, para sobreviver ao novo mundo que nós deixaremos para as futuras gerações??

Agora... adianta se arrepender de algo? Será que agora vão ver que a vida não pode ser feita em linhas de montagem?

2 Comments:

Anonymous Edson Marques said...

Parabéns pelo tema e pelo texto!

te vi n´A Barata, do Luiz Carlos Cichetto.


Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as.

Abraços, flores, estrelas..

6/2/08 13:18  
Anonymous オテモヤン said...

オナニー
逆援助
SEX
フェラチオ
ソープ
逆援助
出張ホスト
手コキ
おっぱい
フェラチオ
中出し
セックス
デリヘル
包茎
逆援
性欲

12/2/10 13:17  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home